sábado, 22 de outubro de 2011


E como explicar aquele momento em que a gente sorri do nada?

Nenhum comentário:

Postar um comentário